sexta-feira, 2 de junho de 2017

Vai e não peques mais...


Mas agora se manifestou uma justiça que provém de Deus, independente da Lei, da qual testemunham a Lei e os Profetas, justiça de Deus mediante a fé em Jesus Cristo para todos os que creem. Não há distinção, pois todos pecaram e estão destituídos da glória de Deus, sendo justificados gratuitamente por sua graça, por meio da redenção que há em Cristo Jesus. Romanos 3:21-23


Bom, sabemos, e a Bíblia é clara nesse assunto, que não existe pecadinho ou pecadão. Tanto uma pessoa que é assassina, como aquele que conta uma simples mentira é pecador do mesmo jeito. Deus não faz diferença entre essas pessoas, porque, como todos nós somos pecadores, então todos nós estamos afastados, separados da gloriosa presença de Deus, por isso que Jesus é nosso Intermediador para que possamos falar com Deus. Não somos dignos da presença de Deus porque Ele é Santo, e, o pecado nos separa Dele. Por isso que pedimos a Deus em nome de Jesus.

Por isso também que não devemos julgar  ninguém por seus erros e falhas, pois nós pecamos todos os dias, e, como disse, não importa como pecamos, mas não somos dignos de julgar ninguém. Temos que ser humildes de coração e pedir perdão por nossos erros, e, se pecamos contra alguma pessoa também, devemos pedir perdão também a essa pessoa. 

Após pedir perdão procurar não cometer o mesmo erro. Olha o texto bíblico abaixo, onde Jesus fala com o povo que queria apedrejar a mulher adúltera:

e disseram a Jesus: "Mestre, esta mulher foi surpreendida em ato de adultério.Na Lei, Moisés nos ordena apedrejar tais mulheres. E o senhor, que diz?" Eles estavam usando essa pergunta como armadilha, a fim de terem uma base para acusá-lo. Mas Jesus inclinou-se e começou a escrever no chão com o dedo. Visto que continuavam a interrogá-lo, ele se levantou e lhes disse: "Se algum de vocês estiver sem pecado, seja o primeiro a atirar pedra nela". Inclinou-se novamente e continuou escrevendo no chão. Os que o ouviram foram saindo, um de cada vez, começando pelos mais velhos. Jesus ficou só, com a mulher em pé diante dele. Então Jesus pôs-se em pé e perguntou-lhe: "Mulher, onde estão eles? Ninguém a condenou?" "Ninguém, Senhor", disse ela. Declarou Jesus: "Eu também não a condeno. Agora vá e abandone sua vida de pecado". João 8:1-11

O texto diz por si só, mas amados, que possamos cuidar dos nossos próprios pecados tomando o cuidado de pedir perdão e procurar não repeti-lo, e, deixando que Deus cuide de julgar o nosso próximo pelos atos errados de cada um... |O povo tentou condenar a mulher adultera, mas não foram capaz, pois também possuíam pecados, talvez, mais graves do que o da mulher....

Que Deus fale mais ao seu coração...