terça-feira, 31 de outubro de 2017

Salmos 91 para mães: Deus responde ao meu clamor



Ele me invocará, e eu lhe responderei. Salmos 91:15a

Quando nossos filhos nos veem clamando a Deus, Eles aprendem também e em momentos dos quais não estivermos juntos, eles saberão o que fazer.
Minha filha outro dia chegou da escola dizendo que orou por uma amiguinha, que orou antes da refeição, que explicou ao amiguinho o porque Halloween não é bom quanto parece... Isso me faz pensar que ela tem observado o que é ensinado na nossa igreja, na escolinha, e, também ao que ensinamos a ela em casa.
Já aconteceram ocasiões dela ser intimada pelas "amigas" a ter que gostar de funk e, até mesmo dançar, para entrar no grupinho e, ela preferiu escolher outras amizades. Ela tem 8 anos apenas, e, está aprendendo a escolher o melhor para sua própria vida.
É muito importante ensinar nossas crianças a clamar a Deus.Muito pais ensinam as crianças o telefone, por exemplo dos bombeiros, da policia para discarem em casos de emergência, mas falham quanto a ensinar suas crianças a clamar aos Céus. Quantas vezes vemos que a ajuda emergencial não chegou a tempo, que a pessoa morreu porque o SAMU não chegou a tempo? Mas, a ajuda de Deus esta tão próxima quanto o ar que respiramos...
Quando as crianças veem a sua família clamando a Deus, é natural que elas reproduzam essa atitude.


segunda-feira, 30 de outubro de 2017

Salmos 91 para mães: Estou assentado nas alturas


Pois que tão encarecidamente me amou [...] pô-lo-eu num alto retiro, porque conheceu o meu nome. Salmos 91:14

Aos que amam o Senhor, Ele nos protege de todas as maldades, situações ruins e inesperadas e é como se Ele nos erguesse no alto, longe do perigo (nas alturas).

Perdemos batalhas espirituais devido as palavras que saem da nossa boca, abrindo-nos par os ataques. Enquanto o ambiente de reclamações abre portas outras situações das quais podemos nos queixar, o clamor a Deus por ajuda nos provê auxílio.

A promessa de estar assentado em segurança nas alturas é para aqueles que amam a Deus e realmente O conhecem pelo Seu nome. Precisamos nos perguntar: "Eu tenho a perspectiva de Deus devido à altura  a que Ele me elevou ou me esqueço rapidamente de tudo o que Ele fez por mim?". Porque Ele me amou, minhas crenças e atitudes devem refletir que estou assentado em um alto retiro.

sexta-feira, 27 de outubro de 2017

Salmos 91 para mães: Deus é o meu libertador



Porquanto tão encarecidamente me amou, também eu o livrarei;  Salmos 91:14a

Você ama o Senhor Jesus? Jesus perguntou a Simão Pedro se ele amava Jesus, mas já sabendo a resposta, pois Jesus conhece o nosso coração.
Temos que ter comunhão, amizade, conversas com Deus, assim  como fazia Davi. quando demonstramos nosso amor por Ele, Ele nos livra e sabe onde está o nosso coração.
Por mais que possamos dizer, agir demonstrando que amamos a Deus, que Ele está em primeiro lugar em nossas vidas, Ele conhece nosso coração e sabe que estamos sendo sinceros ou não. Se estamos somente falando da boca pra fora.

Você O ama? Se a sua resposta for afirmativa, então tais promessas são para você. Ele livrará aquele que O amar.

quinta-feira, 26 de outubro de 2017

Salmos 91 para mães: O inimigo sob os meus pés


Deus fez uma ilustração para que pudêssemos compreender a autoridade que Ele tem. Acredito que poucos cristãos usam essa autoridade. Na maioria das vezes oramos em vez de exercê-la.

Se um atirador estivesse em sua frente, você confiaria o suficiente em sua autoridade para declarar com coragem: "Possuo uma aliança com o Deus vivo e sou coberto pelo sangue que me protege de qualquer mal que você tente contra mim. Em nome de Jesus, ordeno que abaixe essa arma!"?

Esse exemplo me fez lembrar de uma cena do filme Quarto de Guerra, onde as duas atrizes estão num estacionamento com sorvete nas mãos, e, aparece um ladrão com uma faca e pede o dinheiro, e, ela usa a autoridade que Deus deu a ela e ordena que ele largue a faca em nome de Jesus. Realmente tem que ter muita ousadia para agir e muita confiança....

O significado de quando Ele diz que calcaremos com os pés o leão, o filhote de leão, a cobra e a serpente (ou o dragão segundo a versão Bíblia King James) é que são ilustrações do mal que podemos enfrentar em nossos dias. Seguem abaixo:

  1. Problemas do tipo leão: são as dificuldades que parecem insuperáveis, como: conta de última hora, acidente, doença, etc. Devemos pisar nelas e não aceitar.
  2. Problemas do tipo filhotes de leão: são pensamentos negativos (as raposinhas), que diz que o marido não ama a esposa, que não conseguiremos pagar as contas, etc. São pequenos obstáculos que podem se tornar grandes se não forem destruídos.  São pequenas perturbações, distrações e irritações, ou seja, são os filhotes de leão que nos afligem. Temos que enfrentá-los com a palavra de Deus.
  3. Problemas do tipo cobra: São situações em que o diabo tenta inesperadamente nos machucar. Uma batida de carro, mentiras espalhadas a nosso respeito, usa pessoas para nos fazer desistir...
  4. Problemas do tipo dragão: O dragão é um monstro do mar. Quando o inimigo tenta nos aterrorizar com algo que é fruto da nossa imaginação, como o medo do escuro, medos em forma de fantasmas ou miragens. Se acreditarmos nessas coisas imaginárias, elas podem ser tão mortais quanto os reais. Exemplo: soldado que volta da guerra, passa noites sem sono, sem descanso, ensaiando algo que não deu certo e entra em pânico, mesmo não exercendo mais a função de soldado. Ele demora a se encaixar novamente no mundo real...
Quando pisamos nesses problemas é como um trator esmagando tudo. Nossa autoridade sobre os inimigos espirituais.

Eis que vos dou poder para pisar serpentes e escorpiões, e toda a força do inimigo, e nada vos fará dano algum. Lucas 10:19

Algumas pessoas tem medo do tipo:

  • Som do trovão ("dragão")
  • Temem a doença ou algum ferimento ("cobra")
  • Ficam amedrontados após um sonho ruim ("filhote de leão")
  • Alguns tem receio de que seus filhos sejam mortos em um acidente de carro; algumas crianças dormem todas as noites com medo de que seus pais morram, porque, taslvez, um deles seja policial ou militar ("leão rugindo").
Nós pisaremos em todos os poderes do inimigo, não importa quão grandes, ousados, disfarçados, enganosos ou imaginários os medos sejam. O Senhor nos deu autoridade sobre todos eles!

quarta-feira, 25 de outubro de 2017

Salmos 91 para mães: Anjos me guardam


Porque aos seus anjos dará ordem a teu respeito, para te guardarem em todos os teus caminhos. Eles te sustentarão nas suas mãos, para que não tropeces com o teu pé em pedra. Salmos 91:11,12


Os anjos são espíritos que servem a Deus e são enviados para ajudar aqueles que receberam a salvação.

Embora muitos cristãos citem os versos 11 e 12 como suas passagens favoritas desse salmo, eles pouco refletem na magnitude dos problemas de que as suas famílias escapam regularmente. Apenas quando estivermos no Céu, entenderemos todas as coisas das quais fomos poupados por causa da intervenção dos anjos em nosso favor.
Os anjos são como guardas, prontos para receber a ordem e entrar em ação para proteger.

Não são, porventura, todos eles espíritos ministradores, enviados para servir a favor daqueles que hão herdar a salvação? Hebreus 1:14

Quando olhamos para Deus como a Fonte de nossa proteção e provisão, os anjos, constantemente, auxiliam-nos e cuidam das nossas questões. O Salmos 103:20 afirma: Anjos seus, magníficos em poder, [...] obedecendo à voz da sua palavra. Ao proclamarmos a Palavra de Deus, os anjos se apressam em cumpri-la.
Como é reconfortante saber que Deus tem colocado guardas celestiais para cuidar de nós!
É empolgante perceber que a proteção não é apenas uma ideia na mente do Senhor - Ele está comprometido com isso...
Ele deu ordem aos Seus anjos para nos guardar em todos os nossos caminhos!

terça-feira, 24 de outubro de 2017

Salmos 91 para mães: Praga alguma chegará à minha família


Nenhum mal te sucederá, nem praga alguma chegará à tua tenda. Salmos 91:10


Tenda aqui significa casa.

Você já se atormentou com o pensamento de que seu esposo ou filho poderiam morrer? Esse é um sentimento terrível! Deus não lhe deseja esse medo, Ele diz no versículo 10 que praga alguma chegará à tua tenda [a sua casa].
Essa proteção se estende a nossa família também.
Temos uma oportunidade de exercer nossa fé não apenas para nossa proteção, mas para nossa família também.
As promessas de Deus são tanto para nós como para nossa parentela.

Se, porém, não agrada a vocês servir ao Senhor, escolham hoje a quem irão servir, se aos deuses que os seus antepassados serviram além do Eufrates, ou aos deuses dos amorreus, em cuja terra vocês estão vivendo. Mas eu e a minha família serviremos ao Senhor". Josué 24:15

Quando Josué declarou essas palavras ele estava influenciando seu destino e declarando sua proteção ao mesmo tempo.

Quando nosso coração está firme, e nós confiamos na fidelidade do Altíssimo para cumprir as Suas promessas, não sentimos o temor de que algo mau possa acontecer com nossos familiares.

Não temerá más notícias; seu coração está firme, confiante no Senhor. Salmos 112:7

As expectativas negativas passarão, e nós esperaremos por boas notícias. Podemos põe as mãos nos nossos ouvidos, de acordo com esse versículo e proclamar: "Eles foram feitos para ouvir boas-novas!". O medo de maus rumores podem infestar a nossa existência.

"O medo bateu à porta, e a fé respondeu que não havia ninguém em casa".

Se o medo chegar, declara com sua boca em voz alta: Não temerei maus rumores. O meu coração está seguro e confiante no Senhor!".

segunda-feira, 23 de outubro de 2017

Salmos 91 para mães: Mesmo que mil caiam


Mil cairão ao teu lado, e dez mil, á tua direita, mas tu não serpas atingido. [...] Porque tu, ó Senhor, és o meu refugio! O Altíssimo é a tua habitação. Salmos 91:7,9


Quando diz Tu não serás atingido, é verdade porque esse salmos é como uma prevenção e se crermos pode até acontecer algo para algum descrente, mas para quem crê nada acontecerá. Veja bem que não é para ser usado como um amuleto da sorte, mas para nos prevenir do dia mal. Por isso que nossas orações, nossas buscas devem ser constantes, e, diárias, antes que venha algum dia mal, porque não estamos livres deles, mas se crermos na palavra de Deus não seremos atingidos.
É uma medida ofensiva e defensiva para evitar qualquer mal antes que ele tenha tempo de atacar. Não é apenas uma cura, mas um plano de prevenção completa.
As vezes caímos na descrença... Quando não cremos o suficiente caímos na categoria dos impios.
Temos que ensinar nossos filhos que eles são maltratados devido a fé e o Salmo 91 lida com todos esses ataques, incluindo desastres naturais: acidentes, doenças, mortandade, etc.
Essas palavras não são de conforto em meio a aflição, mas de livramento da aflição.

Vocês precisam ler o livro por completo... Será uma experiencia incrível!!!

sexta-feira, 20 de outubro de 2017

Salmos 91 para mães: Não temerei a mortandade


Não temerás [a] mortandade que assole ao meio-dia. Salmos 91:5a, 6b


Mortandade: males que a humanidade não tem controle, como enchentes, tornados, furacões, etc.

Nossos filhos precisam aprender que o Todo Poderoso fará tudo que providenciou para nós, SE crermos. A fé é o meio pelo qual aceitamos as provisões do pai para nós.

Pois quê? Se alguns foram incrédulos, a sua incredulidade aniquilará a fidelidade de Deus? De maneira nenhuma! Sempre seja Deus verdadeiro, e todo homem mentiroso, como está escrito: Para que sejas justificado em tuas palavras e venças quando fores julgado. Romanos 3:3,4


quinta-feira, 19 de outubro de 2017

Salmos 91 para mães: Não temerás a peste

Não temerás [a] peste que ande na escuridão. Salmos 91:5a, 6a

Devido a tantas doenças, as vezes é difícil acreditar nas promessas do Salmos 91, as devemos renovar a maneira de pensar, alinhando os nossos pensamentos à Palavra de Deus. Em Mateus 8:16 diz que  muitos doentes eram levados a Jesus e curados por Ele. O verso 17 menciona que os feitos de Cristo cumpriram a profecia de Isaías: Ele tomou sobre si as nossas enfermidades e levou as nossas doenças. Se o filho de Deus as tomou por nós, não temos que carregá-las novamente. 

A fé não é um sentimento, e sim a crença no que Deus diz em Sua Palavra e a recusa da dúvida.
Deve existir uma razão para Deus citar duas vezes no Salmos 91 sobre a peste. O Altíssimo sabia que a pestilência e o medo se espalhariam nos últimos dias. O Senhor repetiu para chamar nossa atenção.

É como se Deus quisesse frisar assim como fazemos quando queremos que nossos filhos entendam o que estamos dizendo, ai repetimos várias vezes....

Deus é o nosso socorro e nos livra, mas temos que crer, confiar Nele...

quarta-feira, 18 de outubro de 2017

Salmos 91 para mães: Não temerei a seta


Não temerás [...] nem seta que voe de dia. Salmos 91:5

Toda criança conhece uma flecha. Isso tona mais fácil ensiná-la a respeito da existência de setas no campo espiritual cujo dano é maior do que um ferimento físico.

Elas podem ser enviadas para nos ferir fisicamente, emocionalmente ou espiritualmente. O inimigo joga esses dardos, apontando para onde irá nos machucar, pois ele conhece nossa fraqueza e coloca tentações que nos levam ao pecado, como o descontrole emocional, egoismo, espirito ressentido ou medo....

Por isso temos que buscar a Deus diariamente para nos revestirmos de toda armadura de Deus porque o diabo só fica observando, procurando uma brecha, e, lança seus dardos, suas flechas e, se estivermos fracos, ele atua em nossa mente, nossa saúde, nossos sentimentos, enfim, onde estivermos mais fracos.

Não temos que temer setas que voe de dia, pois ataques surgirão, mas fomos ensinados a não temê-los. O Altíssimo nos promete que essas flechas não acertarão o alvo...

terça-feira, 17 de outubro de 2017

Salmos 91 para Mães: Não temerei o terror


Não temerás espanto noturno. Salmos 91:5a


Terror noturno inclui os males causados por intermédio do homem, como: roubos, sequestros, estupros, assassinatos, terrorismo, guerras, etc.

Poucos pais escapam do medo, horror ou desespero de pensas que algo possa acontecer com os filhos. Quem nunca sentiu um frio na espinha ao ver uma reportagem de sequestro seguido de estupro e morte na TV imaginando o próprio filho na situação da pessoa??? Eu digo por mim, toda vez que vejo uma matéria agradeço a Deus por minha filha estar em segurança, mas dá um frio na espinha sim, porque sentimos a dor do outro não é mesmo?

Por conhecer os temores enfrentados pelos pais, Ele diz: "Não tema nenhuma dessas coisas, pois elas não chegarão até você." O primeiro item do verso 5 é o medo.
Pela palavra de Deus somos protegidos. 
O medo é o oposto da fé, e o Senhor sabe que esse sentimento nos impede de operar com fé necessária para receber bençãos.
A fé é simplesmente a escolha para aceitar o que Jesus já realizou. A proteção já foi providenciada, não importa se a recebemos ou não. 
Quando temos medo, nossa fé é deixada de lado porque não tem como ter fé estando com medo. É como se nosso medo oprimisse nossa fé, sendo um oposto da outra. Deus já nos deu essa proteção, mas para ela acontecer temos que colocar nossa fé em ação e repreender o medo, aniquilar ele na verdade.
Lembre-se do versículo 2: Direi do Senhor: Ele é o meu Deus. o meu refúgio, a minha fortaleza. 
Coração e boca: cremos com o coração e confessamos com a boca. Que lindo esse ensinamento!

Tem muito mais no livro amados!! Vale a pena ler....

segunda-feira, 16 de outubro de 2017

Salmos 91 para Mães: Meu Deus é uma fortaleza!


A sua fidelidade é escudo e fortaleza. Salmos 91:4c


A nossa fé nas promessas e na fidelidade do Senhor se tornam um escudo.

Quando não estamos debaixo da proteção de Deus o inimigo poderá nos ver e nos machucar. Isso ocorre quando nos esquecemos das promessas de Deus ou somos tomados pelo medo. Uma das maiores táticas de Satanás é sussurrar pensamentos de temos não apenas nas mentes dos pais, mas também na dos filhos, portanto temos que ensinar nossos filhos a afastarem esses pensamentos dizendo: "Minha fé é firme porque eu sei que meu Deus é fiel. A fidelidade DEle é o meu escudo."

Deus conhece nossas fragilidades, então, mesmo caindo, fraquejando, sendo fracos devemos nos levantar, nos arrepender e voltar para debaixo do escudo protetor. Nossos filhos precisam aprender que eles não merecem essa proteção nem podem comprar a salvação, mas não devemos permanecer prostrados após termos escorregado ou caído. A fidelidade DO SENHOR , e não a nossa é o nosso escudo. Se dependêssemos da nossa fidelidade estaríamos perdidos, porque somos falhos, e, Deus sabe disso. Por isso que nossa função é buscar, confiar em Deus e determinar as promessas desse salmo para nossa vida e da nossa família.

Sejam ricamente abençoados....

sexta-feira, 13 de outubro de 2017

Salmos 91 para Mães: Debaixo das suas asas



Ele te cobrirá com as suas penas, e debaixo das suas asas estarás seguro. Salmos 91:4a


A promessa do Salmos 91 não se refere as asas de voo como de uma águia por exemplo, mas sim, as de refúgio. Uma asa indica força e conquista, enquanto a outra significa proteção e familiaridade. É como o calor de um ninho e na segurança sentida pelos pintinhos por estarem sob as asas do amor de uma galinha. Essa é a imagem das asas protetoras de Deus.

Quando um animal feroz se aproxima de filhotes de uma ave, a atitude da mãe é abrigar os filhotes debaixo de suas asas para protege-los, e, é exatamente isso que Deus faz conosco: nos cobre com seu amor e nos dá segurança.

Encontraremos essa proteção, esse refúgio se o buscarmos de todo nosso coração.

As crianças dever ser ensinadas a buscar esse refúgio em Deus sob as asas do Pai desde cedo. Eles precisam aprender a fazer uma alianças com o Altíssimo e a permanecer sob as Suas asas por vontade própria para quando se tornarem adultos.

Se formos para Deus com fé, o inimigo, terá de enfrentar Deus para tentar nos atingir, assim como com a galinha e seus pintinhos, se uma ave atacar terá que enfrentar a mãe primeiro para chegar aos pintinhos.

Nossos filhos devem entender que dependem de nós, e, temos que ensiná-los a depender e buscar a Deus também para quando crescerem e não estiverem sob nossos olhos, saberem buscar por esse refúgio também.

Que Deus fale aos seus corações....

quinta-feira, 12 de outubro de 2017

Salmos 91 para mães: Dupla libertação


O que é laço do passarinheiro? O caçador prepara grandes armadilhas de ferro, cobre-as com galhos e espera até que algum animal distraído seja capturado. O caçador não espalha as ciladas por acaso. Em vez disso, ele é cuidadoso, colocando-as em lugares estratégicos. Em épocas de guerra, um campo minado é preparado da mesma maneira.

Essas situações são exemplos de como o inimigo age conosco, por isso nós o chamamos de passarinheiro!
O inimigo quando quer nos atacar ele não age de qualquer maneira. Ele é cuidadoso assim como nos exemplos acima. Ele sabe onde e quando atacar, ele sabe onde somos frágeis e quando estamos dispersos, e é ai que ele ataca.
O inimigo sabe como nos fisgar e qual pensamento deve colocar me nossa mente para nos levar até o laço.
Nossos filhos precisam aprender que o principal truque de Satanás é tentá-los a pecar.
Temos que confiar em Deus e não dar lugar ao medo, pois o medo é o contrário de confiança, e ele atrai Satanás para agir contra nós. Se orarmos e colocarmos a nossa confiança no Senhor, Ele nos resgatará das ciladas preparadas por Satanás.
Peste perniciosas é "qualquer doença moral ou letal; uma epidemia que atinge as massas"; trata-se de uma enfermidade que se aloja no corpo de uma pessoa com o intuito de destruí-la. Porém, Deus nos afirma que Ele nos livrará das doenças mortais (Salmos 91:3).

Declarar em voz alta: "Deus, liberta-me da armadilha do passarinheiro - daquilo que me torna impaciente, da luxuria em meu coração, da pessoa que me ofende, da critica que sai da minha boca em uma discussão acalorada e da situação a qual sempre me deixa frustrado".

Uma mãe deve fazer uma oração diária de gratidão ao Senhor, pois seus filhos são libertos tanto do pecado quanto das doenças mortais.

Queridos, tirei vários trechos que julguei importantíssimos para nosso dia a dia e para nossos filhos, mas esse livro é sensacional do início ao fim, então se puderem ler seria maravilhoso, pois aprenderiam muito mais....
Estou compartilhando com vocês para que possam ver o quão importante é quando declaramos a palavra de Deus, e, esse livro nos ensina acerca do Samos 91, e, espero de todo meu coração que lhe ajudem a ler, a meditar, a declarar as palavras desse salmo de forma diferente depois que lerem mais sobre ele...

Que Deus fale mais ao seu coração...

quarta-feira, 11 de outubro de 2017

Salmos 91 para mães: O que tem saído da minha boca?


Direi do Senhor: Ele é o meu Deus, o meu refúgio, a minha fortaleza, e nele confiarei.

Temos que declarar em voz alta que Deus é o nosso lugar de segurança e proteção... É a instrução desse segundo versículo, pois não diz: pensai, ou murmurai, ou sintais, mas diz: DIREI, isso significa que até o diabo tem que ouvir que Deus é nosso refugio...

Quando declaro em voz alta crendo, confiando, algo sobrenatural acontece no mundo espiritual. Nossas palavras declaradas em voz alta tem grande poder, e, é por isso que temos de soltar a voz.
Temos que confessar a palavra de Deus em voz alta, e, não confessar reclamações, murmurações, pois todas as palavras que saem da minha boca que são contrárias a palavra de Deus, atrai o mal para minha vida.
Por isso que temos que compreender que temos que inverter a ordem das coisas: declarar em voz alta a palavra de Deus e deixar de usar as palavras de derrota, maldição, desanimo, fracasso, pois essas palavras com certeza são contrárias a palavra de Deus, pois Deus que que sejamos vitoriosos, guerreiros, animados, corajosos e determinados.... Deus sempre quer o melhor para nossas vidas, mas para isso temos que crer e declarar o que sentimos por Ele e Sua palavra em alta voz.
Veja que não adianta declarar em pensamento, mas deve ser em alta voz...
Não somos ensinados a pensar a Palavra, mas a pronunciá-la para liberar poder no mundo espiritual. Somos ordenados a meditar nela; ainda que o significado da palavra meditar seja "murmurar, falar em tons baixos". Nós devemos declarar a Deus o que Ele disse no primeiro versículo desse salmo. Há poder em recitar a Palavra para Ele!

Que Deus fale mais ao seu coração.

Extraído do livro: Salmos 91 para mães...

terça-feira, 10 de outubro de 2017

Salmos 91 para mães: Onde está o meu lugar de habitação?


Aquele que habita no esconderijo do Altíssimo, à sombra do Onipotente descansará.

Comecei a ler o livro Salmos 91 para mães de Peggy Joyce Ruth e achei por bem compartilhar um pouco dele com vocês porque nunca tinha compreendido o Salmos 91 tão profundamente como quando iniciei essa leitura tão prazerosa e produtiva, não somente para nossa própria edificação, mas para aprender a orar e pedir a proteção para nossos filhos, ensina-los e também pela nossa família... Como é poderosa a palavra de Deus quando bem compreendida e praticada!!!

Quando lemos HABITAÇÃO nesse versículo estamos nos referindo a um lugar onde podemos encontrar proteção física, da qual encontramos quando corremos para os braços do PAI, como quando somos acalentados pelos nossos pais quando estamos em perigo. Sabemos que eles nos protegerão. Esse mesmo sentimento devemos ter pelo nosso PAI celestial, devemos encontrar esse conforto NELE.
Quando habitamos em Deus, corremos para Ele em todos os momentos, podemos descansar porque Ele nos protegerá sempre que for necessário. Uma parte do versículo depende da outra para ser cumprida, pois não temos como encontrar descanso se não temos Deus como nosso refúgio. 
Muitas pessoas quando estão em perigo (sejam quais forem) acham por bem procurarem outros tipos de abrigos: alguns em drogas, outros na bebida, outros em más companhias, então nesse caso, não tem como encontrar descanso em Deus, pois não estão fazendo Dele o seu refugio.
Onde é o seu lugar secreto? Você também precisa da segurança e do abrigo de um esconderijo com o Altíssimo.

Bom, esse é um pequeno resumo das preciosidades do primeiro capítulo desse livro abençoado... Vou compartilhar o resumo dos 21 capítulos com vocês. Espero que gostem e que numa oportunidade, vocês possam ler o livro completo...

quinta-feira, 5 de outubro de 2017

Permaneça Nele



Leia João 15.1-11 e reflita.
PERMANEÇA NELE
“Se vocês permanecerem em mim, e as minhas palavras permanecerem em vocês, pedirão o que quiserem, e lhes será concedido.”
João 15.7
O verbo permanecer é usado várias vezes nesta curta passagem. Jesus escolheu esse termo para expressar o tipo de relacionamento que deseja que tenhamos com ele. Devemos permanecer em Cristo. Permanecer em seu amor. Se agirmos desse modo, ele permanecerá em nós, suas palavras permanecerão em nós e nossa vida será produtiva.
O que significa então permanecer em Jesus? Significa andar com ele, ficar junto dele e constantemente ligadas a ele, como o ramo permanece na videira. É por isso que o ramo produz fruto. Quando, porém, é removido da videira, ele morre. Jesus diz que, se permanecermos nele — passarmos tempo com ele, aprendermos mais sobre ele, formos sinceras com ele, admitirmos nossos pecados para ele —, produziremos muito fruto.
Jesus quer que conheçamos sua Palavra e permitamos que ela se torne parte de nós. Isso significa que precisamos ler a Bíblia. Devemos conhecê-la tão bem que ela se torne nosso guia, uma fonte de renovação e conhecimento da vontade de Deus. Devemos deixar que ela nos ajude a melhor compreender quem Deus é e quem somos nele.
Deus diz que, se estivermos nele e deixarmos que suas palavras estejam em nós, podemos pedir o que quisermos e ele responderá. Isso não quer dizer que sempre obteremos o que desejamos, mas que, em vista de estarmos tão ligadas a Cristo, teremos sua mente e aprenderemos como orar pelo que ele quer para nossa vida. Quando agimos desse modo, fazemos sua vontade e vemos respostas a nossas orações.

ORAÇÃO:
Senhor, ajuda-me a caminhar perto de ti todos os dias e a permanecer em comunicação constante contigo. Ajuda-me a crescer no conhecimento dos teus caminhos e da tua vontade
Devocional do Livro Bom Dia Leituras Diárias de Stormie Omartian😍🌼🌷📖

Deixando para trás a raiva e a falta de perdão

Hoje quero compartilhar com vocês uma pregação da querida Joyce Meyer e refletir a respeito dos ensinamentos valiosos que podemos encontrar...